Cultura Brasileira: Ritmos do Brasil

Em um país marcado por diversas manifestações culturais, os ritmos surgiram pelas influências de diversos povos na formação da cultura e do folclore brasileiro.

Ritmos do Brasil

Entre eles, alguns tornaram-se mais populares. Confira a seguir cinco ritmos brasileiros bacanas para curtir nas férias.

Axé

Com origens na década de 1950, e sofrendo influência de outros ritmos, como o maracatu, o axé ganhou força durante o carnaval de Salvador, 30 anos depois. Numa mistura de frevo, forró, calipso, entre outros gêneros, o ritmo tornou-se uma marca registrada da cultura baiana, e faz do carnaval da capital do estado uma das mais famosas festas populares do Brasil, atraindo turistas do mundo inteiro.

 

Samba

Derivado de diversos ritmos africanos, o samba passou por uma grande evolução ao longo do século 20, ganhando várias formas, como o samba-canção, o samba de breque, o pagode e o samba enredo. Este último é, provavelmente a maior expressão do ritmo, durante o carnaval, com os desfiles das escolas de São Paulo e, principalmente, do Rio de Janeiro. A importância do samba tornou-se tão grande que, em menos de um século, transformou-se em um dos maiores símbolos nacionais.

 

Sertanejo

Surgido no início do século XX, nas fazendas do interior do sul, sudeste e centro-oeste, o sertanejo tornou-se um dos ritmos mais populares do Brasil. Ao longo do tempo, o gênero sofreu algumas mudanças, passando dos tradicionais duetos com violas para a incorporação de elementos de outros gêneros e estilos, como o mariachi mexicano e a polca paraguaia. Mesmo com a introdução de inovações como a guitarra elétrica e o surgimento de movimentos como o sertanejo universitário.

 

Vanerão

Típico do Rio Grande do Sul, o vanerão tornou-se uma das danças mais populares do estado, ao lado do xote e do fandango. Com a migração de gaúchos para outros estados do sul e centro-oeste brasileiros, o vanerão passou a ser muito popular nessas áreas. Também conhecido como limpa-banco, o ritmo tem um andamento rápido, sendo muitas vezes apenas instrumental, e pode ser construído em três partes, exigindo energia dos músicos e bailadores, além de boa dicção por parte dos intérpretes.

 

Forró

Originalmente, um baile influenciado por vários gêneros, desde o baião até o xaxado, com o tempo, o forró tornou-se uma síntese do todos eles. Tem origens no sertão nordestino, e seus musicos utilizam instrumentos como a sanfona, o acordeão, o triângulo e a zabumba. É uma contagiante mistura de ritmos.