Atrações Turísticas: Parque Nacional

O Brasil é sempre dito como “abençoado por Deus" e, seja qual for sua religião, essa expressão serve sempre para mostrar o quanto o pais apresenta condições naturais invejáveis.

Diversão e preservação das belezas naturais brasileiras

Seja no calor escaldante e incessante do Nordeste, no Planalto Central ou no clima temperado da Região Sul, o que não falta é natureza e os Parques Nacionais para proteger toda essa riqueza.

Atualmente são quase 100 reservas federais são administradas pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), uma autarquia do Governo Federal destinada a manter e gerenciar os Parques Nacionais, que concentram alguns dos principais pontos turísticos do Brasil.

Parques Nacionais do Nordeste

Chapada Diamantina na Bahia

 

As áreas de preservação do Nordeste são extremamente diversificadas, indo de paisagens costeiras a regiões serranas. Um dos parques mais conhecidos está na área dos Lençóis Maranhenses, repleto de lagos cercados por dunas de tirar o fôlego. Também no litoral estão os parques belíssimos da Serra da Itabaiana, em Sergipe, e a ilha de Fernando de Noronha, que pertence a Pernambuco. A Chapada Diamantina, na Bahia, se destaca com suas rochas com pinturas pré-históricas.

Parques Nacionais do Norte

Monte Roraima

 

Os Parques Nacionais do Norte preservam grandes extensões do bioma amazônico, que domina a região. Entre os mais conhecidos está o Pico da Neblina, no Amazonas, que abriga a montanha de mesmo nome, considerada o ponto mais alto do Brasil (com 2.993,7 metros), e integra o conjunto de parques fronteiriços da Floresta Amazônica, junto à Serra do Divisor, às Montanhas do Tumucumaque, ao Cabo Orange e o Monte Roraima, que fazem divisa com Venezuela, Guiana, Guiana Francesa, Suriname e Peru.

Parques Nacionais do Centro-Oeste

Aluguel de imóveis por temporada na Chapada dos Guimarães

 

Referência de Brasil, o Pantanal é protegido em um Parque Nacional dividido entre os estados matogrossenses e repleto de aves, mamíferos e répteis encontrados somente no território pantaneiro. A Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso, e a Chapada dos Veadeiros, em Goiás, oferecem incríveis escarpas e trilhas em meio ao cerrado. Já o Parque Nacional de Brasília, conhecido como “Água Mineral”, se diferencia por estar totalmente em território urbano, nos limites do Distrito Federal com Goiás.

Parques Nacionais do Sudeste

Rio de Janeiro Corcovado

 

Cartão-postal do Brasil no mundo, o Corcovado e todo aquele verde que destacam o Cristo Redentor estão protegidos no Parque Nacional da Tijuca, bem no meio da populosa cidade do Rio. Além deles, o parque também abrange a Pedra da Gávea e o Pico da Tijuca, dois pontos de referência na cidade, principalmente para os praticantes de esportes radicais. O estado fluminense também é famoso por abrigar o Parque de Itatiaia, onde está o Pico dos Agulhas Negras, local mais frio do estado e com frequente ocorrência de neve. Em Minas Gerais, a famosa Serra da Canastra atrai praticantes de off-road e trilheiros.

Parques Nacionais do Sul

Aparados da Serra

 

Com clima temperado e mais definido, os parques do Sul se diferenciam pela forte presença de diversas espécies de Pinales, que engloba pinheiros, cedros e as famosas araucárias, também chamadas de pinheiros-do-paraná, são símbolo do estado paranaense. Por lá, é imperdível o passeio pelo trem de Morretes, que atravessa o Parque Nacional de Saint Hilaire/Lange. Ainda no Paraná está outro cartão-postal brasileiro, no Parque Nacional do Iguaçú, que abriga as Cataratas do Iguaçú. Em Santa Catarina e no Rio Grande do Sul estão os Parques da Serra Geral e Aparados da Serra, assim como parque catarinense de São Joaquim, todos destacados pela elevação, beleza das formações rochosas e, principalmente, pela ocorrência frequente de neve.