O que fazer em Monte Verde na temporada de inverno

Raros destinos de inverno são tão associados a romance quanto Monte Verde, famoso distrito de Camanducaia, no sul de Minas Gerais, a apenas 164km de São Paulo. Encravada na Serra da Mantiqueira a quase 1600 metros de altitude, a localidade se apresenta como uma estreita avenida cheia de bares, restaurantes e lojas de malhas, chocolates e congêneres serranos. Dessa via principal, porém, parte um emaranhado de ruas cercadas de araucárias, vales e mirantes – cenários que podem ser apreciados em trilhas pela mata, nos passeios de quadriciclo ou de dentro de um quarto quentinho, sob o edredom, com a lenha crepitando na lareira e a taça de vinho sobre o criado-mudo. E o que não faltam em Monte Verde são imóveis de temporada com ambientes aconchegantes, como esta gostosa casa de campo que combina elementos monteses, germânicos e coloniais, tem confortos como lareira, sauna e wi-fi e fica em aprazível área verde a apenas 700 metros do centrinho.

 

monte verde ponto turistico

Foto: AlugueTemporada

 

Se há muito a fazer edredom abaixo, há ainda mais montanhas acima. Da Praça da Árvore, no centrinho, parte uma rua de terra que leva a diversos mirantes no alto da serra. Estacione o carro no final da via, a 3,5 quilômetros da vila, e siga a pé pelo caminho sinalizado para as pedras Partida e Redonda. Cinco minutos depois, entre à esquerda numa trilha estreita, em meio à mata densa, sob o frescor dos quase 2 mil metros de altitude. A subida de terra batida dura menos de 20 minutos. Ao avistar uma enorme laje rochosa a céu aberto, você terá chegado à Pedra Redonda, que escancara 360 graus de montanhas ondulantes no coração da Serra da Mantiqueira. Com mais pique, o Pico do Selado, a 2083 metros de altitude, escancara todo o Vale do Paraíba, mas requer duas horas de trilha só na subida e a companhia de um guia, que pode ser contratado em empresas como a Multisport Mantiqueira.

 

monte verde - MG

Foto: Wikimedia

 

Além dos casais e dos ecoturistas, muitas famílias sobem a serra para curtir o clima e as atrações de Monte Verde. De olho nesse público, os passeios guiados de quadriciclo, os arvorismos e as tirolesas ganharam status de programas clássicos do distrito. A Mega Tirolesa, por exemplo, é uma alucinante travessia de 450 metros de extensão na ida, mais 475 metros na volta, com as pernas balançando no vazio, a 65 metros de altura, sobre um vale coberto de pinheiros. A brincadeira é só uma das atrações da Fazenda Radical, que tem tour de quadri, arvorismo e arco e flecha. Nos rolês de quadri, o roteiro de uma hora percorre ruas sem pavimento cercadas de muito verde, algumas com vista privilegiada para a vila comercial. Para quem prefere se aventurar de carona, a Companhia 4x4 tem desde city tours em Land Rovers até roteiros que chegam a Gonçalves e Campos do Jordão, sempre em caminhos off-road pelas montanhas. No centrinho, o rinque de patinação no gelo no fim da avenida principal (Avenida Monte Verde, 1463) é o programa mais concorrido dos fins de tarde. 

 

monte verde - cidade

Foto: Flickr

 

Termômetro do movimento turístico, a Avenida Monte Verde concentra quase todo o comércio local. Em restaurantes como o Pucci, que tem uma atmosfera romântica de décadas passadas, peça truta no almoço, ingrediente farto e fresco na região, e fondue no jantar. Ainda no centrinho, o Paulo das Trutas serve o pescado de criatório próprio em cerca de 30 receitas, e o Villa Donna é a melhor opção para massas e risotos. De uns tempos pra cá, o óbvio potencial gastronômico do lugarejo permitiu a abertura de uma cozinha de excelência, dentro da pousada Provence Cottage & Bistrô, em rua tranquila ainda no perímetro do Centro. Ali, o chef Ari Kespers executa uma culinária contemporânea com ingredientes brasileiros e sotaque francês. Não esqueça de reservar de preferência ainda antes da viagem. 

 

Nos bares, os luminosos das cervejas de trigo alemãs refletem a boa oferta dessa bebida nas cartas, que só perde em popularidade para o Chopp do Fritz, misto de choperia e microcervejaria que nasceu do modismo cervejeiro, ganhou filiais por todo o estado de São Paulo e promove visitas à fábrica. Entre as lojinhas, a Piparkukas vende saborosos biscoitos que lembram os gingerbreads. Em uma rua próxima (Tia Nata, Rua Bem-Te-Vi, 84), na casa alpina onde os simpáticos Arnis e Donatila Luca vendem geleias de morango, kiwi e damasco, há um jardim com bem-te-vis, beija-flores, melros e canários-da-terra, além dos esquilos que apanham castanhas nas mãos das crianças. Perto dali, no nº 198 da Rua da Mantiqueira, a Casa da Lúcia tem um afamado strudel, certamente o melhor da cidade, numa casinha típica com aroma de maçã.

 

Para levar um presente de bom gosto, a Unger's Pottery House, galeria da paulistana Paula Unger, compensa a subida da Rua da Represa com uma bela vista da Mantiqueira e um jardim adornado com trabalhos artísticos e utilitários de um grupo de artistas, entre os quais os famosos totens de esferas e discos sobrepostos da própria ceramista. No Alpina, na avenida principal, a casa de madeira inspirada nos Alpes vende sabonetes de fabricação própria com essências de pêssego, cravo e almíscar, entre outras. Também na Avenida Monte Verde (nº 743, loja 25), é possível comprar cachaças aromatizadas de banana, café e maçã com canela, entre dezenas de sabores, na Cachaçaria das Gerais. E para não sair da vila sem uma lembrancinha típica da serra, a Sabor Chocolate, no mesmo centrinho, tem trufas de damasco, castanhas e amendoim, e permite visitar a fábrica.

 

Nos fins de semana entre 2 e 23 de julho, os visitantes ainda poderão curtir o Festival de Inverno de Monte Verde, com espetáculos infantis, shows de bandas típicas e oficinas para adultos e crianças. Agora, é só dirigir com cuidado na Rodovia Fernão Dias, não se esquecer de colocar um tênis para caminhadas na mala, um par de luvas nas mãos, o gorro e o cachecol – neste ano, os termômetros já baixaram de zero – e curtir a Serra da Mantiqueira com muito amor.

 

 

Chácaras e chalés para alugar em Monte Verde

2 - 4  Número minimo de noites
3 Quarto, 2 Banheiro, Número de pessoas 8

#4247232

(0)
De  BRL700 por noite
2  Número minimo de noites
4 Quarto, 4 Banheiro, 1 Lavabo, Número de pessoas 8

#3848076

(0)
2  Número minimo de noites
3 Quarto, 2 Banheiro, 1 Lavabo, Número de pessoas 7

#4069843

(1)
2 - 4  Número minimo de noites
5 Quarto, 3 Banheiro, 1 Lavabo, Número de pessoas 10

#398938

(32)
2  Número minimo de noites
4 Quarto, 4 Banheiro, 2 Lavabo, Número de pessoas 12

#4165462

(2)
De  BRL400 por noite
2 - 5  Número minimo de noites
5 Quarto, 2 Banheiro, Número de pessoas 10

#4081158

(0)
De  BRL680 por noite
2 - 4  Número minimo de noites
5 Quarto, 4 Banheiro, 1 Lavabo, Número de pessoas 13

#3831657

(7)
1  Número minimo de noites
6 Quarto, 5 Banheiro, 1 Lavabo, Número de pessoas 13

#556527809

(5)
2 - 4  Número minimo de noites
4 Quarto, 2 Banheiro, 1 Lavabo, Número de pessoas 7

#3958286

(6)
2  Número minimo de noites
4 Quarto, 3 Banheiro, Número de pessoas 13

#4144159

(7)