De olho no mercado

Turismo cresce e se iguala aos setores automobilístico e de celulose


O turismo está crescendo em ritmo forte no país e cada vez mais investir neste setor é uma excelente oportunidade. Este ano, pela primeira vez atingimos a marca histórica de 6 milhões de turistas estrangeiros no país. E eles estão deixando cada vez mais dinheiro por aqui.


turismo-cresce-iguala-automobilistico.jpg

Dados divulgados pelo Banco Central revelaram que, entre os meses de janeiro e outubro de 2013, o Brasil recebeu US$ 5,6 bilhões por meio do turismo. O valor de R$ 11,8 bilhões representa um recorde para o período.

 

Esse número fez com que o turismo se igualasse a indústrias mais tradicionais da economia brasileira, segundo comparação feita pela Embratur, com base na pauta de exportações brasileiras. O valor de exportações do setor de automobilismo, por exemplo, totalizou US$ 4,6 bilhões, entre janeiro e outubro, e o de papel e celulose somou US$ 6 bilhões.

 

A expectativa da Embratur é de novo recorde para 2014 por conta da Copa do Mundo. Estudo feito por técnicos da empresa estimou em R$ 6,85 bilhões os gastos de turistas estrangeiros durante os 30 dias da competição. Já o gasto dos turistas brasileiros deve alcançar R$ 18,3 bilhões. A estimativa foi realizada a partir do gasto médio de turistas de eventos no Brasil e do gasto médio de estrangeiros na última edição da Copa do Mundo, na África do Sul.

 

Todos esses dados mostram mais uma vez a ascensão do segmento de turismo no país e isso afeta e inclui diretamente o mercado de aluguel por temporada. Cada vez mais turistas estão buscando por opções de hospedagem alternativa e a tendência é que isso aumente ainda mais nos próximos anos.

 

VEJA TAMBÉM