Receba Bem

Como evitar mofo e infiltrações no seu imóvel

Lares fechados em tempos chuvosos são ambientes ideais para o desenvolvimento de mofo e, consequentemente, mau cheiro. Para proprietários que trabalham com aluguel por temporada, a preocupação com possíveis infiltrações é ainda maior, pois nem sempre têm condições de manter o imóvel arejado e adequado para receber o próximo visitante.


como-evitar-mofo-e-infiltracoes-no-seu-imovel-1.jpg

 

Comum em muitas casas, a infiltração gera incômodos visíveis e deve ser solucionada o quanto antes. Veja agora como evitar mofo e deixar sua casa livre de manchas e maus odores!

 

As infiltrações

A infiltração é um problema grave e sua causa pode estar relacionada a diversos fatores. Se o acabamento de estruturas e demais elementos de uma construção não forem executados da maneira adequada, algumas superfícies como paredes, forros e até mesmo pisos podem ficar comprometidas pela presença da umidade.

 

A água que atinge essas superfícies e que muitas vezes passa do lado externo para o interno pode vir da chuva, do terreno onde o empreendimento está localizado, das instalações hidráulicas ou até mesmo de edificações vizinhas.

 

Como consequência da infiltração temos o surgimento de bolores e mofo, que acabam danificando a aparência e condições das superfícies que atingem. Além do comprometimento estético, o mofo é um perigo para a saúde, podendo causar alergias cutâneas e problemas respiratórios.

 

Como evitar mofo

Para evitar o mofo, é preciso primeiro identificar as suas causas: pode ser um problema de infiltração ou simplesmente gerado pela umidade do ar. Se for um problema de infiltração, o ideal é conversar com um especialista para ele verificar exatamente a origem e inicar o reparo.

 

Na maioria das vezes, simples atitudes diárias podem fazer toda a diferença. Veja:

 

Utilizar soluções caseiras e produtos anti-mofo


Existem receitas caseiras que levam como base produtos simples e baratos na composição e podem ajudar na prevenção da umidade e do mofo.

 

Giz é um deles. Para aproveitá-lo, você pode colocar vários pedaços dentro de um sachê e deixar nos locais que costumam criar mofo. Quando estiver úmido, é hora de fazer a troca por um sachê novo.

 

Vinagre branco também é ótimo para remoção de manchas de bolor de tecidos e de superfícies e pode ser aplicado sem medo. No mercado você também encontra facilmente produtos destinados ao combate do mofo, basta apenas respeitar o modo de uso descrito em cada embalagem.

 

Atenção com os tecidos


Para conservar as roupas de cama e tecidos delicados guarde-os embrulhados em papel seda, isso evita que a umidade ataque o tecido e provoque as manchas amareladas.

 

Cuidado com outros tecidos, como os tapetes e as cortinas, que podem conter a umidade dentro da casa. Certifique-se de que estão sempre secos.Se for possível, coloque essas peças na área externa para evaporar a umidade retida.

 

Como lidar com mofo

O mofo já atacou, e agora? Para se livrar do cheiro desagradável, afaste os móveis da parede, pois isso ajudará na hora de circular o ar. Abra as janelas para a ventilação e entrada de sol nos cômodos, e então, comece a limpeza das áreas atingidas.

 

O ideal é escovar com uma bucha para a retirada do resíduo mais grosso e, depois, aplicar água sanitária e deixar agir por alguns minutos. Ao final, passe vinagre misturado em um pouco de água por todos os móveis e paredes da casa.

     

Para resolver de vez o problema, agende uma reforma e repare os pontos que estão sofrendo infiltração. Somente depois disso é que as áreas atingidas poderão ser completamente higienizadas.

 

E você, conhece outros métodos de como evitar mofo? Conte para a gente nos comentários!

 

VEJA TAMBÉM